logomarca

elites sociais

português >> pesquisas >> pesquisas em curso >> elites sociais

 

Note: The articles will open in PDF format. Get Adobe Acrobat Reader

________________________________________________________________________________________________ 

Composição e recomposição de grupos dirigentes no Nordeste e no Sul do Brasil: uma abordagem comparativa e interdisciplinar (ufpr – ufs – pucrs)

O projeto tem como objetivo principal a formação de uma rede de cooperação em pesquisa sobre elites e grupos dirigentes no país. Para isso, o projeto buscará somar esforços de pesquisadores de diferentes formações disciplinares – história, sociologia, ciência política e antropologia – atuantes em universidades dos estados de Sergipe, Paraná e Rio Grande do Sul, especialistas no tema. Entre os objetivos específicos, identificamos: 1) A partir de uma perspectiva histórica ampla – que compreenda o século XX – e comparativa entre as regiões Nordeste e Sul, estabelecer pelo menos quatro grandes eixos investigativos: (a) das relações entre sistema escolar e formação de grupos dirigentes (profissionais, burocrático-estatais, políticos, culturais, eclesiásticos); (b) das grandes famílias e de suas estratégias de reprodução e consagração social; (c) da atuação das elites estatais e dos processos de elaboração de políticas de governo; (d) das estratégias de consagração profissional desenvolvidas; e 2) com base na implementação dessa agenda comum de questões de pesquisa, criar sinergias entre estoques de investigações parciais e em andamento e comparar novos achados sobre as regiões quanto a: (a) modernização do aparato estatal e as relações com o recrutamento de elites burocráticas e jurídicas; (b) transformações na composição de elites políticas regionais e municipais (parlamentares, executivas e de alta administração); (c) relações entre características das elites políticas e elaboração de determinadas políticas governamentais; e (d) lógicas de constituição de certas elites profissionais, como as empresariais, eclesiásticas e jornalísticas.

coordenadores: Adriano Codato (ufpr); Flavio Heinz (pucrs); Wilson J. F. de Oliveira (ufs)

projeto de pesquisa

produção intelectual

 

________________________________________________________________________________________________  

Elite empresarial e democracia no Brasil: questões de teoria e método (ufpr)

Esta pesquisa analisa a forma como o empresariado brasileiro encara a questão das instituições políticas da democracia no Brasil do pós-1988. Para tanto, a pesquisa contempla as principais entidades representativas do empresariado, bem como os empresários de maior renome, verificando, através de um survey, quais são suas concepções frente, de um lado, o funcionamento e a natureza das instituições políticas fundamentais do regime democrático, a saber, os poderes Executivo, Legislativo e Judiciário (nos níveis municipal, estadual e federal), o sistema eleitoral, bem como as instituições representativas, em especial os partidos, os sindicatos e as associações, e de outro, a reforma política. Com isso, pretende-se contribuir para o estudo do comportamento do empresariado frente exclusivamente ao funcionamento da democracia, o que ganha maior relevância quando se coloca no horizonte político nacional a questão da reforma política.

coordenador: Paulo Roberto Neves Costa (ufpr)

projeto de pesquisa:

produção intelectual:

COSTA, Paulo Roberto Neves. A elite empresarial e as instituições democráticas: cultura política, confiança e padrões de ação política. Opinião Pública,  Campinas,  v. 18, n. 2, nov.  2012. pp. 452-469.  (download)  Access at: observatory-elites.org

 

Elite econômica no Brasil em perspectiva comparada (CNPq; Capes-DAAD)

O objetivo deste projeto é analisar as características coletivas dos altos dirigentes das maiores empresas industriais nacionais no contexto atual. Tal objetivo está vinculado à importância da análise sociológica daqueles que são responsáveis pelas atividades empresariais nas sociedades capitalistas contemporâneas e da necessidade de resgatar a questão da sua condição de classe social, fundamental nas obras tanto dos clássicos do pensamento sociológico quanto das análises pioneiras de Fernando Henrique Cardoso, Luciano Martins e Luiz Carlos Bresser Pereira, produzidas no Brasil dos anos 1960, e de reflexões recentes de pesquisadores de inspiração marxista. A relevância sociológica do tema articula-se com as características do contexto atual de aumento da importância do papel da economia brasileira no cenário internacional. Os procedimentos metodológicos giram em torno da produção de um questionário, que apreende aspectos relativos aos atributos adstritos e adquiridos, às questões gerenciais, aos valores morais e à avaliação sobre a economia capitalista e as instituições políticas democráticas. Este projeto está articulado à pesquisa acerca do novo Espírito do Capitalismo realizada por Markus Pohlmann da Universidade de Heidelberg, contemplando países como a Alemanha, a Coréia do Sul, os EUA e a Argentina, o que traz ganhos analíticos advindos da comparação. Os resultados nos permitirão perceber, em perspectiva comparada, as articulações entre os elementos de natureza individual e coletiva que são importantes para a composição deste grupo, cujos pensamentos, valores e comportamentos são muito importantes para os rumos históricos tomados pela sociedade capitalista. Esta pesquisa conta com apoio do CNPq e da Capes-DAAD (Probral).

coordenadores: Paulo Roberto Neves Costa (ufpr); Markus Pohlmann (Universidade de Heidelberg)

projeto de pesquisa:

produção intelectual:

 ________________________________________________________________________________________________ 

Page last updated on August, 25  2013