logomarca

centros brasileiros

português >> biblioteca virtual >> centros de pesquisa >> centros brasileiros

 

________________________________________________________________________________________________

brasil 

Centro de Estudos de Opinião Pública – CESOP (Universidade Estadual de Campinas – Unicamp)

O Centro de Estudos de Opinião Pública é uma iniciativa interdisciplinar combinada entre os âmbitos acadêmico-científico e empresarial na área da pesquisa de Opinião Pública, Comportamento Político e Social e Metodologia de Pesquisa. O Centro está estruturado sobre uma composição tripartite interuniversitária e empresarial (UNICAMP, Universidades e Centros Científicos e Empresas de pesquisa) e tem como objetos a recuperação, organização e disponibilização para o pesquisador dos “surveys” realizados por empresas e instituições científicas nas áreas predominantes de opinião sobre política, sociedade, temas culturais, comportamento geral, além de dados socioeconômicos em educação. Os projetos de pesquisa desenvolvidos por seus pesquisadores vinculam-se às três linhas de investigação estabelecidas: 1) Análise do Comportamento Político e Social; 2) Análise de Dados Socioeconômicos em Educação; 3) Organização e Divulgação de Dados de Pesquisas por Amostragem; 4) Estudos sobre Mídia e Comportamento Político.

http://www.cesop.unicamp.br/site/htm/apre.php 
E-mail: cesop@unicamp.br

 

Centro de Estudos dos Partidos Políticos Latino-Americanos – CEPLA (Universidade Federal de São Carlos – UFSCar)

O CEPLA, sediado na Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), tem como mote principal a pesquisa sobre os partidos políticos na América Latina. Através da comparação entre países, entre partidos ou estudos de caso, o CEPLA vem desenvolvendo trabalhos acerca da organização partidária, sistemas de partido, recrutamento político, partidos e eleições, partidos e governos, bem como, qualidade democrática e partidos políticos. O CEPLA conta com pesquisadores de diversas universidades e com a participação de alunos de todos os níveis, da graduação ao pós-doutorado. Em parcerias com outras universidades e sob a coordenação da Prof. Maria do Socorro Braga, o CEPLA contribui com a temática dos partidos políticos como foco privilegiado dos trabalhos em ciência política.

http://dgp.cnpq.br/buscaoperacional/detalhegrupo.jsp?grupo=03357096GS19IU
E-mail: msbraga@ufscar.br

 

Centro de Estudos Legislativos – CEL-DCP (Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG)

O Centro de Estudos Legislativos (CEL-DCP) da UFMG é vinculado ao Departamento de Ciência Política daquela universidade. Dedica-se à pesquisa sobre o Poder Legislativo e de suas interações com os demais Poderes e com os cidadãos.

http://www.fafich.ufmg.br/cel/content/index.php
E-mail: cel@fafich.ufmg.br

 

Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil – CPDOC (Fundação Getúlio Vargas – FGV)

O Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil (CPDOC) é a Escola de Ciências Sociais e História da Fundação Getulio Vargas. Criado em 1973, tem o objetivo de abrigar conjuntos documentais relevantes para a história recente do país, desenvolver pesquisas em sua área de atuação e promover cursos de graduação e pós-graduação. Os conjuntos documentais doados ao CPDOC, que podem ser conhecidos no Guia dos Arquivos, constituem, atualmente, o mais importante acervo de arquivos pessoais de homens públicos do país, integrado por aproximadamente 200 fundos, totalizando cerca de 1,8 milhão de documentos. Os documentos desse acervo estão sendo progressivamente disponibilizados pela Internet.  Ainda com o intuito de registrar a história contemporânea brasileira foi iniciado, em 1975, o Programa de História Oral que, desde então, vem recolhendo depoimentos de personalidades que atuaram no cenário nacional. Contando atualmente com mais de 5.000 horas de gravação, correspondentes a quase 1.000 entrevistas, boa parte aberta à consulta, o acervo de história oral do CPDOC pode ser melhor conhecido em consulta à base História Oral. Em 1974, o CPDOC deu partida ao projeto de elaboração do Dicionário Histórico-Biográfico Brasileiro obra de referência voltada para a história do Brasil no período pós-1930. O Dicionário foi publicado em 1984. Uma segunda versão do Dicionário foi lançada em 2001 em cinco volumes com cerca de 6.600 verbetes e um ano depois, sua versão multimídia, em CD-Rom, também foi colocada à disposição. Em 2010, o Dicionário ganhou uma nova atualização, contando agora com cerca de 7.500 verbetes, todos passíveis de serem consultados e lidos na íntegra a partir da base de dados integrada do acervo do CPDOC.

http://cpdoc.fgv.br
E-mail: http://cpdoc.fgv.br/faleconosco

 

Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar – DIAP

O Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar, fundado em 19 de dezembro de 1983, informa os sindicatos de trabalhadores sobre os projetos em curso no Congresso Nacional e oferece elementos sobre a atuação. Além da correspondência que mantém com seus filiados, edita regularmente o BOLETIM INFORMATIVO enviado para todas as entidades filiadas. O DIAP, além do BOLETIM INFORMATIVO, lança periodicamente livros, como o QUEM É QUEM editado em 1986 com a atuação dos parlamentares sobre as matérias de interesse dos trabalhadores e o livro QUEM FOI QUEM NA CONSTITUINTE, em 1988, com a análise da atuação dos constituintes. Em 1991, traçou o perfil dos primeiros deputados distritais de Brasília no livro QUEM É QUEM NA CÂMARA DISTRITAL. Em 1993, antecipou as opiniões dos deputados e senadores sobre a revisão constitucional no livro A CABEÇA DO CONGRESSO – QUEM É QUEM NA REVISÃO CONSTITUCIONAL. Em 1994, lançou a série anual “OS CABEÇAS” DO CONGRESSO NACIONAL, sobre a elite parlamentar; a série, também anual, AGENDA – Para Falar com os Poderes Legislativo, Executivo e Judiciário, além das séries Caderno Debate, Estudos Políticos e Estudos Técnicos. As entidades filiadas ao DIAP também tem acesso a banco de dados com informações sobre a legislação de interesse do mundo do trabalho (leis e MPs em vigor), os projetos de interesse do movimento sindical, perfil político e participação dos deputados e senadores em bancadas e frentes parlamentares, bases eleitorais e eventual acompanhamento de projetos de interesse específico de categoria profissional filiada ao Departamento.

http://www.diap.org.br/ 
E-mail: diap@diap.org.br

 

Grupo de Pesquisa sobre Democracia e Desigualdades – Demodê (Universidade de Brasília – UnB)

O Grupo de Pesquisa sobre Democracia e Desigualdades reúne pesquisadores e estudantes da Universidade de Brasília que se dedicam a investigar as implicações da convivência entre, por um lado, regras democráticas de gestão da organização política e, por outro, profundas desigualdades sociais. As atividades do Grupo contemplam a reflexão teórica e a pesquisa empírica. Criado em 2001 com o nome Grupo de Pesquisa “Democracia e Democratização”, foi rebatizado em 2011. Hoje, o Demodê é coordenado por Luis Felipe Miguel e Flávia Biroli. Seu trabalho se organiza em quatro linhas de pesquisa principais: Democracia e gênero; Democracia e capitalismo; Democracia e informação; Democracia e desigualdade racial.

http://www.grupodemode.com.br/
E-mail: gp.demode@gmail.com

 

Laboratório de estudos sobre elites políticas e culturais – LEEPOC (Universidade Federal do Maranhão – UFMA)

O LEEPOC apresenta-se como um espaço orientado para a produção e a discussão de pesquisas sobre os mecanismos e os princípios de seleção, hierarquização e afirmação de elites políticas e culturais. Notadamente, os estudos desenvolvidos no grupo se inscrevem em duas linhas de investigação que tratam de processos de especialização/concorrência política e militante; e das intersecções entre lógicas e práticas políticas e intelectuais. Constituído por pesquisadores de diferentes níveis da carreira acadêmica, são priorizados, fundamentalmente: 1) o trabalho de coleta, sistematização e armazenamento de informações sobre variados segmentos e domínios sociais, sobretudo políticos, universitários, religiosos, jurídicos e midiáticos; 2) a interlocução/cotejamento constante dos parâmetros analíticos e metodológicos utilizados, bem como das regularidades e discrepâncias empíricas detectadas; 3) e a divulgação dos resultados obtidos mediante a participação em Congressos e produção de artigos científicos.

http://dgp.cnpq.br/buscaoperacional/detalhegrupo.jsp?grupo=0001709FP1AIR3
E-mails: igorgrill@terra.com.br eliana1reis@terra.com.br

 

Laboratório de Estudos sobre Militares (LEM) (Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil – CPDOC)

O objetivo do LEM é servir de espaço institucional para atividades relacionadas ao estudo dos militares na perspectiva das Ciências Sociais e da História. A instituição militar no Brasil tem sido objeto de uma linha de pesquisa importante na história do CPDOC, que também inclui a recepção, produção, organização e divulgação de fontes documentais. O LEM está aberto à participação de pesquisadores e estudantes tanto do CPDOC quanto de outras instituições.

http://cpdoc.fgv.br/laboratorios/lem

 

Laboratório de História Comparada do Cone Sul – LabConeSul (Pontifícia Universidade Católica – PUCRS)

O Laboratório de História Comparada do Cone Sul – LabConeSul – é um grupo de pesquisa certificado pela PUCRS e pelo CNPq. Se dedica à comparação de processos históricos na região platina, em especial a dinâmica das elites políticas e sociais do Cone Sul – emergência, reconversão e/ou declínio de grupos econômicos setoriais, processos de recrutamento e atuação de elites políticas, grupos profissionais e de burocracias regionais e nacionais, expansão de setores médios e sua incorporação ao espaço político e emergência de novas elites intelectuais.

http://historiasocialecomparada.org/
E-mail: http://historiasocialecomparada.org/contato

 

Laboratório de Pesquisa em Comunicação Política e Opinião Pública – DOXA (Instituto de Estudos Sociais e Políticos – IESP/UERJ)

Criado em 1996, no IUPERJ, para investigar os processos eleitorais e de formação da opinião política. Em julho de 2010 transferiu-se para o IESP (Instituto de Estudos Sociais e Políticos) da UERJ. Coordenado pelo professor Marcus Figueiredo, o laboratório tornou-se uma referência para a pesquisa em comunicação política no Brasil, produzindo teses, dissertações, publicações e análises dentro dos vários subtemas que o assunto comporta, como propaganda eleitoral, jornalismo político, recepção e atitude política, comportamento eleitoral e outros. O Doxa dispõe hoje de um importante acervo audiovisual de propaganda e jornalismo políticos e pesquisas de opinião, com coleções de programas eleitorais desde 1988, telejornais, clippings das aparições de candidatos e documentários. Nosso acervo serviu de base para pesquisas científicas em várias instituições, no Brasil e no exterior.

http://doxa.iesp.uerj.br 
E-mail: doxa@iesp.uerj.br

 

Núcleo de Estudos e Pesquisas do Senado Federal – NEPSF (Senado Federal do Brasil)

O Núcleo de Estudos e Pesquisas do Senado Federal, antigo Centro de Estudos da Consultoria, tem por missão organizar, apoiar e coordenar projetos de estudos e pesquisas que visem à produção e à sistematização de conhecimentos relevantes para o aprimoramento da atuação do Senado Federal. Nesse sentido, promove diversas atividades, como projetos de estudos que gerarão Textos para Discussão, sintetizando os resultados da pesquisa realizada. Há ainda mais uma publicação do Núcleo: os Boletins do Legislativo. Tratam-se de textos curtos, de duas ou três páginas, onde são debatidos temas técnicos com qualidade, contendo o posicionamento do autor sobre questões relevantes relacionadas ao Congresso Nacional, com um enfoque explicativo e propositivo, de forma a auxiliar a compreensão pelos públicos interno e externo.

http://www.senado.gov.br/senado/conleg/nepsf1.html
E-mail: nepsf@senado.gov.br

 

Núcleo de Estudos sobre o Congresso – NECON (Instituto de Estudos Sociais e Políticos – IESP/UERJ)

O Núcleo de Estudos sobre o Congresso tem por objetivo contribuir para o avanço desta área de estudos através da constituição de um laboratório de pesquisas dedicado à investigação de diversas questões ligadas ao Congresso Nacional e Assembleias Legislativas, desde índices e taxas de coesão e disciplina, informações sobre trajetória política dos parlamentares, tramitação de políticas públicas e problemas de organização interna Ocasionalmente, o Núcleo promove seminários nacionais ou internacionais, publicações de boletins e relatório de acompanhamento de conjuntura Ademais, serve de apoio sistemático ao desenvolvimento dos trabalhos de tese de mestrado e doutorado de alunos envolvidos com temas afins.

http://necon.iesp.uerj.br/ 
E-mail: necon@iesp.uerj.br

 

Núcleo de Pesquisa em Sociologia Política Brasileira – NUSP (Universidade Federal do Paraná – UFPR)

O Núcleo de Pesquisa em Sociologia Política Brasileira Todos os projetos desenvolvidos no NUSP, apesar de suas especificidades, filiam-se a três questões fundamentais de pesquisa: a) quais são os condicionantes socioeconômicos das elites políticas, sociais e econômicas; b) quais são os valores (políticos, sociais, comportamentais, jurídicos) defendidos por seus membros; e c) como esses determinantes (valores e origem social) atuam sobre as opções políticas desses grupos sociais.

http://www.humanas.ufpr.br/portal/nusp/sobre-o-nucleo/
E-mail: adriano@ufpr.br

 

O Observatório Político Sul-Americano – OPSA (Instituto de Estudos Sociais e Políticos – IESP/UERJ)

Núcleo de referência destinado ao monitoramento regional e registro de eventos políticos nos planos interno e externo dos países sul-americanos. Suas atividades principais envolvem a coleta e sistematização de informações e processos políticos dos países da região, bem como a elaboração de análises pontuais sobre aspectos e problemas das conjunturas doméstica e internacional da área.

http://www.opsa.com.br/ 
E-mail: observatorio@iesp.uerj.br

 

Vigilantes da Democracia. Sistema de Monitoramento de Eleitos (Universidade Federal do Paraná – UFPR)

O Sistema de Monitoramento dos Eleitos pelo Estado do Paraná é um processo continuo de acompanhamento e apreciação do comportamento dos representantes executivos e legislativos nos níveis federal e estadual feito em parceria pela Rede de Participação Política e por pesquisadores da Universidade Federal do Paraná.

http://www.vigilantesdademocracia.com.br/
E-mail: vigilantesdademocracia@gmail.com

 

________________________________________________________________________________________________

Page last updated on 29 June 2012